Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2017

Nós somos o mundo.

Eu acho que a gente não é só isso. E eu queria ser assim. Eu acho que há mais, que é mais. Como a gente poderia pensar que era só essa carne e esse corpo? E que, além de uma ideia "só" de Deus, a vida era mais que só sermos nós? Que éramos só um eu no meio de um todo, sem o qual não éramos nada? Mais que uma foto, um sorriso feliz, um corpo magro e triste ao mesmo tempo? Que só podíamos ser se alguém visse que a gente era. Ser feliz, ser livre, ser esportivo, ser inteligente, ser estudioso, ser bom filho, ser bom pai. Mas só se alguém visse. Ninguém podia ser por si só? Todo mundo me vê, mas eu não me vejo. Era o que a gente mais sentia. Porque todos me veem, mas ninguém me sente, nem eu mesmo. Só finjo que sinto e fico aqui mostrando tudo que não sinto, acabando com os sentimentos... Então, a gente não precisava ser, mas mostrar que era. Um ciclo. Se todos fôssemos, sem precisarmos ser, se todos vivêssemos, sem precisar mostrar o viver. Todo mundo saberia, porque nós somos…